Escolta

Escolta

Quando pensamos em transportar cargas de valor, na hora imaginamos uma escolta de carga armada ao longo do trajeto, certo?

Certamente você já viu cargas de grandes dimensões acompanhadas de carros batedores, não é?

Mas será que só esse tipo de carga necessita de escolta?

Afinal, a partir de que volume ou de que valor você deve contratar uma escolta?

Na prática, a Polícia Rodoviária Federal é quem regulamenta e fiscaliza esse tipo de carga.

Mas, além de estar dentro da lei, você também pode proteger as cargas que são mais visadas pelos ladrões.

Escolta

Quando a Escolta de Carga é obrigatória?

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o uso de escolta de carga é obrigatório quando as cargas são:

  • Superdimensionadas;
  • Cargas que, pelo seu grau de periculosidade, dependam de autorização e escolta especial para transitar nas rodovias e estradas federais;
  • Excedentes em dimensões;
  • Excedentes em peso;
  • Indivisíveis;

De acordo com do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), as cargas indivisíveis são aquelas que são maiores ou mais pesadas que o padrão.

Alguns exemplos são escavadeiras de mineração, guindastes, tratores, casas pré-fabricadas, pás eólicas, blocos de rochas, etc.

Esse tipo de carga deve seguir algumas regras para serem transportadas de acordo com seu tamanho.

Essas cargas não devem exceder as seguintes medidas de largura e altura.

  • Largura máxima — 2,60 metros;
  • Altura máxima — 4,40 metros;

Em relação ao comprimento total da carga, existem também algumas regras a serem cumpridas de acordo com o veículo que fará o transporte. Confira:

  • 14 metros — veículos não articulados;
  • 15 metros — veículos não articulados de transporte coletivo de passageiros;
  • 18,6 metros — veículos articulados de transporte coletivo de passageiros;
  • Comprimento total: 18,6 metros — veículos articulados com duas unidades, do tipo caminhão-trator ou semirreboque;
  • 19,8 metros — veículos articulados com duas unidades do tipo caminhão, ônibus ou reboque;
  • Comprimento total: 19,8 metros — veículos articulados com mais de duas unidades.

Em todos esses casos, a escolta de carga por carros batedores é obrigatória.

Sua não utilização é passível de penalidade, que pode ser uma advertência, multa ou suspensão da Autorização Especial de Transporte (AET) por até três meses.

Para esses transportes, além do acompanhamento da escolta de carga por carros batedores, é necessária a emissão da AET.

O documento deve estar com o transportador durante todo o trajeto.

Essa autorização pode ser emitida no site da DNIT ou em alguma unidade física do órgão no local em que o transporte será iniciado. A validade da autorização para veículos especiais é de 90 dias.

A rota deve ser definida e informada ao DNIT, incluindo a rota de retorno do caminhão vazio à origem.

Peças que ultrapassem a largura da pista necessitam de escolta da própria Polícia Rodoviária Federal, de acordo com a lei.

Quais produtos são recomendados para terem Escolta de Carga?

Já citamos acima exemplos de escolta de carga que são obrigatórios pela lei. Mas também existem algumas cargas de valores cujas escoltas armadas são recomendadas por serem muito visadas por ladrões. São elas:

  • Alimentos e bebidas;
  • Eletroeletrônicos;
  • Cigarros;
  • Farmacêuticos;
  • Químicos;
  • Têxteis e confecções;
  • Autopeças;
  • Combustíveis;
  • Produtos agrícolas;
  • Higiene pessoal e limpeza.

Escolta de Carga armada

No caso da escolta armada, a empresa geralmente disponibiliza um carro para acompanhar o trajeto.

Esse veículo deve contar com dois agentes a bordo, de acordo com recomendação da Polícia Federal Rodoviária.

Esses agentes têm por objetivo atuar de forma preventiva, acompanhando a carga durante todo seu trajeto.

Os trajetos precisam ser planejados, programando as paradas para abastecimento e descansos.

Desta forma é possível evitar desabastecimentos, riscos e cumprir os prazos estabelecidos.

Escolta de Carga com carros batedores

A princípio, para cargas acima de 60 toneladas, é obrigatória a contratação de carros batedores para escolta.

A escolta de carga com carros batedores trabalham para evitar acidentes envolvendo outros carros ao redor.

Para que essas cargas possam circular, é realizado um estudo das condições da rodovia e se ela permite a circulação dessas cargas.

Essa análise é fundamental para garantir a segurança do motorista e da carga.

O percurso deve ser informado à PRF antes do início do deslocamento para evitar irregularidade.

O horário de circulação também é diferente. Não é permitida sua realização em horário comercial.

Em suma, a contratação da escolta de cargas não é importante somente pela segurança que ela oferece.

O serviço também atua fortemente para evitar contratempos, prejuízos e, além de tudo, ajuda no cumprimento de prazos.